terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Cuidados com a pele no Verão

Olá!

O texto abaixo foi retirado da revista Canção Nova do mês de Janeiro/2011 e foi escrito pela dermatologista Marinei Rubez.

Achei super interessante e resolvi transcrever para o blog em duas partes.
A primeira é o texto abaixo e a segundo são algumas dicas.
Espero que gostem.
Boa leitura e não esqueçam de colocar as dicas em prática.
Super abraço!!!


Estamos em pleno verão, estação mais quente e ensolarada do ano. Nesta época, as atividades ao ar livre são mais frequentes e os hábitos de vida característicos: saímos mais, o corpo fica mais exposto, piscina e praia são os programas favoritos.
Em razão das características desta estação, alguns cuidados especiais com a pele e a saúde são necessários. A pele é o órgão responsável pelo contato com o meio ambiente e, por ficar mais tempo exposta, sofre as principais agressões nesta época do ano.
Proteger-se do sol é, sem dúvida, a medida mais importante. É sabido que o sol é responsável pelo desenvolvimento das formas mais frequentes de câncer de pele. É também responsável pelo fotoenvelhecimento,  envelhecimento precoce, aparecimento de manchas e agravamento de várias doenças da pele. A proteção se faz principalmente, evitando a exposição ao sol nos horários de radiação mais intensa, entre as 10 horas e as 15 horas. Fora desse horário, os riscos são menores, mais existem. O uso correto do filtro solar é importantíssimo. Para que o filtro solar ofereça realmente a proteção que está determinada em seu rótulo, ele deve ser aplicado pelo menos meia hora antes da exposição, em quantidade generosa (cerca de uma xícara de café para o corpo) e repetido a cada 1 ou 2 horas, dependendo da atividade que se esteja praticando. O FPS (Fator de Proteção Solar) indica o grau de proteção oferecida. Quanto maior o FPS maior a proteção.
Geralmente um filtro solar com FPS 30, de marca comercial confiável e usado corretamente, é suficiente.
A proteção deve ser feita com roupas, sombrinhas, chapéus e bonés. Proteção especial deve ser dada às crianças e adolescentes, pois os principais efeitos nocivos do sol sobre a pele ocorrem nos primeiros 20 anos de vida. Esses efeitos são cumulativos e as consequências só vão aparecer com o avançar da idade. O que o sol faz na pele não se apaga.
Deve-se evitar a exposição ao sol usando maquiagem, perfumes ou cremes hidratantes, pois substâncias contidas nesses produtos podem manchar a pele. Pessoas que fazem uso de medicamentos também devem tomar cuidado, pois alguns são fotossensibilizantes, isto é, podem causar alergias quando se expõem ao sol.
Cuidar de nosso corpo é fundamental, pois é nele que nossa alma habita e devemos proporcionar a ela uma residência saudável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e pelo seu comentário. Volte sempre!!!